sábado, 28 de maio de 2011

Quem é vivo sempre aparece

ou não, mas no meu caso, cá estou novamente.

Infelizmente, eu descobri recentemente que um blog não é a melhor opção pra mim. Sou uma pessoa que guarda pra si o que sente ou presencia. Eu gostaria de ter a facilidade que alguns amigos meus têm em expressar os acontecimentos mundanos que giram em torno deles, porém Deus não me ajudou com isso. Vai saber o porquê disso, mas tudo bem, isso é uma das coisas que eu gosto na vida, tentar fazer o improvável.

Oh well, se eu achar inspiração outra hora, cá estarei.